16 de abr de 2013

MULHERES-OBJETO???



A história da panicat Nicole Bahls virou a polêmica da vez (lê-se semana). Ela sempre veste micro-vestidos, paga calcinha pra geral, já saiu pelada e foi usada pelo programa do qual faz parte para chamar mais atenção na miada noite de autógrafos do teatrólogo Gerald Thomas (que quase ninguém conhece mesmo) e foi criada todo uma polêmica pela passada de mão nas partes da moçoila, agora lhes pergunto: qual o limite do que é a nudez pela nudez por pura apelação sem caráter artístico ou o que é manifestação cultural?



Parece que o desespero é tanto para aparecerem na mídia que elas se sujeitam a tudo, beijam outras mulheres, beijam animais, simulam barracos no meio da rua, fingem brigar com paparazzis, mas o que querem mesmo é aparecer (e muitoooo).



Não acho que o comprimento da roupa é permissão para que as pessoas passem a mão nelas, mas quando tudo que deveria estar tampado está a mostra, qual é o limite do permissivo???




Quero a opinião de vocês...Beijos meus amigos.

Obs: Imagens retiradas do Google.

27 comentários:

  1. Assino em baixo querido ... sem qualquer preconceito mas estas mulheres são peruas mesmo ... querem é isto mesmo e acho ridículo elas pagarem uma de moças qdo alguém faz o q elas na verdade estão pedindo ... tudo vadia ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bratz:

      Eu acho que algumas realmente tem uma necessidade exacerbada de querer aparecer a todo custo. O que querem é atenção da imprensa, mas não tendo um conteúdo intelectual pra mostrar se expoem como se estivessem em um grande açougue a céu aberto e estão sujeitas a despertar as mais diversas manifestações da sociedade mesmo.

      Beijo meu amigo.

      Excluir
  2. De certa maneira concordo contigo Edilson e acho que o termo nem é "objeto". É oferecida mesmo. Não que eu ache que cada um tem o direito de vestir o que quiser, mas parece que elas não descobriram que "menos é mais".. ou seja, quanto menos se mostrar, mais elas serão desejadas. Porque nesse caso relatado, quanto menos elas vestem mais aparecem...que parece ser o objetivo.
    beijão... to voltando devagar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Margot:

      Na verdade a postagem tem a intenção de suscitar a discussão sobre os limites da exposição de determinadas "celebridades" na mídia, o que me parece é que virou um grande vale-tudo pra se exporem sem pensar em maiores consequências. Uma nudez pela nudez, sem explicação mesmo.

      Beijos lindona, fico feliz de vê-la aqui.

      Excluir
  3. Não sei bem o que pensar sobre elas estarem pedindo ou não para que passem a mão. Acho que vejo mais pelo lado machista da sociedade. Se existe mulher assim, é porque o machismo ainda está reinando absoluto, e quando digo machismo, é na cabeça dos dois, dos homens e das mulheres.

    Beijocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cris:

      A impressão que passa é que algumas querem sim serem desejadas, cobiçadas e algumas deixam que as pessoas passem a mão, mas não estou generalizando até porque não as conheço. A discussão é sobre a questão do quão estas imagens geram as mais diversas reações e opiniões.

      Beijo.

      Excluir
  4. Eu discordo, o fato de vc mostrar não torna aquilo do outro. o corpo delas as pertence, inclusive para mostrar quando querem e quando não querem. e qualquer opinião em contrário é sim preconceito, um conceito preconcebido que diz que mulher precisa esconder seu corpo pq ele significa pecado e vai tirar o homem de seu bom caminho de castidade... não estamos mais na idade média.
    ps: é chocante ver homens gays definindo mulheres que resolvem exercer a liberdade com seu corpo de vadia, é pedir para que o preconceito sobre nós acabe, mas manter outro que tem a mesma raiz vivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foxx:

      Eu acho que a minha intenção da postagem foi mais sobre discutirmos o que de fato algumas querem ou exporem o corpo da maneira que estão expondo, a necessidade exagerada de mostrarem todas as partes, a maneira como a sociedade recebe isto, e o que há por trás disso tudo. Não acho que alguns casos sejam de manifestação artística, não vejo uma explicação plausível.

      Como disse no meu texto não acho que o comprimento das roupas seja um aval para que as pessoas passem a mão no corpo delas, os corpos delas as pertence, mas que existe um certo exagero por parte delas existe sim.

      Abraços querido.

      Excluir
  5. Nota do autor do blog:

    Em nenhum momento quis ofender ou mostrar uma visão machista ao escrever esta postagem. A intenção é discutirmos o papel da nudez na sociedade atual. O que é nudez apelativa sem maiores explicações e o impacto que isto gera nesta mesma sociedade ou uma forma de expressar uma manifestação cultural.

    As mulheres são donas de seus corpos e suas vidas. mas acredito que esta supervarlorização e superexposição do corpo infelizmente acaba as desvalorizando (uma parcela delas) e não ressaltando as suas verdadeiras qualidades. A nudez é celebrada nas artes desde que o mundo é mundo, mas o que tenho visto com maior frequência de uns tempos pra cá que algumas pessoas perderam completamente a noção do que é bacana do que é pura e simples apelação.

    Espero ter conseguido deixar as coisas claras.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Eu só acho que os tempos mudaram e hoje a mulher (que já conquistou tudo e todos que tinha que conquistar) pode se dar luxo de ser o quiser. Inclusive tirar proveito dos que as entendem como objeto. E como já disse antes: esse boom de mulheres em closes intra-uterinos que temos hoje não me aborrece em "questões morais"... jamé... pra mim incomoda mesmo é a falta de sofisticação e os figurinos bregas mesmo... hehehehe! Hugz, hero-objeto-friend... hahahahaha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fred:

      Os tempos mudaram e que bom que mudaram, acho que as mulheres que tem todos os direitos de seus corpos e assim que deve ser. Por serem pessoas públicas estão sujeitas ao julgamento da sociedade, né? Foi a carreira que escolheram: serem pessoas públicas.

      Não ligo pra estas questões de tamanho de roupa, acho que cada um é livre pra fazer suas escolhas também..rs

      Os figurinos estão encurtando e o corpo cada dia mais a mostra mesmo...rs

      Abraços mysupersolidarioherofriend...rs

      Excluir
  7. Para mim a questão é simples, independente do caráter de cada pessoa, cada um faz o que quiser com o seu corpo, no caso das mulheres se quiserem sair com roupa curta que se faça isso. Ninguém tem o direito de interferir no corpo do outro sem que haja consentimento, inclusive quando a pessoa está com roupa curta ou sem ela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Frederico:

      Isto mesmo, tem toda razão, elas que façam bom uso da imagem e do corpo...rs

      Abraços querido e grato por vir ao Lua.

      Excluir
  8. não estou nem aí pra onde elas mostram a bunda. a bunda é delas mas depois que mostram não queiram dizer que não estão usando o corpo pra conseguir badalação na mídia! como muitas fazem! ficam nuas para depois dizerem que querem ser reconhecidas pelo talento quando na verdade não nenhum! e até quando há fica difícil de achá-lo no meio de tanta bunda!
    e triste o país que para pra discutir essa bobagem armada por esse programa nojentinho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Serginho:

      Acho que as bundas poderiam vir com um número de série, assim não nos perderíamos no meio de tantas...hahahahaha.

      Acho triste o Brasil parar para um monte de bobagens, mas acho que nós como blogueiros precisamos falar do que está acontecendo seja útil ou inútil, afinal somos representantes desta nação, né?rs

      Beijo meu amigo.

      Excluir
  9. Fico me perguntando: Quem cria as medidas??? Quem define até que ponto é exagero e até que ponto é viável??? Qual o limite entre o vulgar e o espontâneo???

    Pk Nicole Bahls tem que definir o qto mostra do seu corpo baseado na minha opinião, na sua, na do Bratz ou de qq outra pessoa???

    Pra ser bem sincero a única pessoa no mundo em que me preocupo realmente com a maneira que se veste sou eu mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gato Van de Kamp:

      Visita ilustra hein...rs

      Bem acho que a sociedade quem define o que pode ou não, o tamanho das roupas estão cada dia mais curtas isto é uma tendência mundial, o corpo cada dia mais exposto, muitas pessoas expondo bundas, peitos e pintos e é isto aí...rs

      Abraços querido e volte sempre.

      Excluir
    2. Ilustre??? Eu??? rsssss

      Mas se cada vez mais as pessoas tem mostrado, então será que essa sociedade não está se redefinindo??? E ainda que não esteja.. Pk seguir????

      Excluir
  10. JURO que não sei "who is" Nicole Bahls.
    (parece nome de vodka barata)

    Cada um é dono (ou escravo) de seu corpo, fazendo com ele o que bem (ou mal) lhe entender. Desde que não agrida (até mesmo visualmente) os outros.

    Como cada um é dono de si graças ao livre arbítrio, isso nos coloca um grande poder e consequentemente, responsabilidade nas mãos. Ao mesmo tempo que podemos fazer o que bem entendermos (ou se vestir, se portar, ou dizer o que bem quisermos) somos responsáveis por isso, e por grande parte das coisas que se sucedem advindas disso.

    O que quero dizer é que claro que roupa curta não é motivo para ser molestado, contudo se vestir como uma vagabunda tbm não ajuda muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rafael:

      Nome de vodka foi master....kkkkkkkkkkkkkkkk

      Cada um tem direito de usar a roupa que bem entender se estiver se sentindo bem. Infelizmente (ou felizmente) por serem pessoas públicas estão sujeitas a críticas e julgamentos. Não existe unanimidade, enquanto alguns as amam, outros odeiam..e uma parcela da população é indiferente...rs

      Abraços querido e grato pelo carinho de sempre.

      Excluir
  11. Pepinos na conserva unidos, jamais serão vencidos. Nem pelas rugas. Hahahahaha! Hugz, hero-pepino-friend!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fred:

      kkkkkkkkkkkkkkkkkk unidos forever...rs

      Lindo fim de semana mypepinescoherofriend.

      Excluir
  12. As mulheres estão no desespero, meu filho... falta homem e os que prestam, são gays ! kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Raphael:

      A coisa descambou geral...rs

      Abraços meu amigo querido.

      Excluir
  13. acho que o termo 'objeto' é pra quando algo é 'usado' sem aquela intenção. mas neste caso o que acontece é algo consentido mesmo e, na boa, é muito exposição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Railer:

      Com certeza algumas pessoas se expoem demais e depois dizem que querem ser reconhecidas pelo talento, qual????rs

      Abraços querido e lindo fim de semana.

      Excluir

O Lua agradece sua visita, volte sempre.