24 de fev de 2010

FLORES DE PRÁSTICO

Tem corpo sarado
Rosto de plástico
Se diz "modelo, manequim"
Se diz ator, mentado, atriz
Bronzeada(o)
Esculpido(a)
Comprado e pago em 12x
Parcelas suaves
Pele de bebê
Bunda invejável
Seios siliconados
Sexo avantajado
Homem, mulher, andróide
Programado
Só pode dizer coisas amenas
"Oi tudo bem" "Tudo bom" "Muito obrigado"
Capa de revista
Anúncio na tv
De inseticida
A funéraria
Diet
Light
Engessado
Descolado
Bulímico
Ex famoso
Namorou fulana de tal
Cicrano de tal se matou por ela
Coração inoxidável
Sentimentos descartados
Desculpe não posso ser feliz
Tô de dieta

"Tristes tempos que deixamos ser pessoas para sermos coisas"

(Edilson Cravo)
(Foto extraída do Google Imagens - Revista Times)

9 comentários:

  1. Aposto q foi nossa amiga W que sugeriu o título, mas tinha q ser "frores" de "prástico" - kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Afeeeeeeeee....kkkkkkkkkkkkkk......paraaaaaaaa bô...rs.

    ResponderExcluir
  3. tb adorei as "frores de prástico ... kkkkkk

    é amigo ... hoje o SER deixou de ser PESSOA para ser OBJETO ... na coisificação do ser não há espaço para a emoção ...

    bjux

    ;-)

    ResponderExcluir
  4. é o que eu comentava hoje, mundo vazio..... :(

    ResponderExcluir
  5. Edilson, adorei!!! Reflete bem nossa realidade prástica!!!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Nossa...perfeito. Super diferente e interessante esse texto.


    abraços

    Hugo

    ResponderExcluir
  7. Oi Edilson, obrigadão pela visita. Fico feliz que tenha gostado das fotos, do texto, a ideia era dividir com as pessoas esse meu momento "mochileiro". Bem, sobre o seu texto, achei bastante pertinente, num momento em que as pessoas, cada vez mais, são seduzidas pelo consumo, são tentadas a serem o que não podem. Seria tão mais simples ser real. Abração!

    ResponderExcluir
  8. Queridos Paulo,Sam,Dalva,Hugo e Luis:

    Que bom que curtiram a poesia. Quis jogar uma certa acidez sobre a superficialidade em quem estamos vivendo nos dias atuais.Bjss e obrigado o apoio de todos.

    ResponderExcluir

O Lua agradece sua visita, volte sempre.